Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2015

Xilogravuras de Kiko Dinucci no LÁLÁ

Perceber a obra de Kiko Dinucci através do coração. Assim recomendo a leitura visual das xilogravuras aqui expostas. E deve-se ter um coração enorme nesta hora pois são sete sentidos, sete emblemas fortíssimos, sete motivos para entendermos a profunda relação da imagem no comando das emoções emanadas pela tradição revisitada, contendo traços de urbanidade nos grafismos que alto-contrastam com cores chapadas da cultura popular. Uma prática quase expressionista do universo deste artista que transita flutuante entre a música, as artes plásticas e a macumba, propondo em todas as três, uma interpretação pessoal intuitiva de vivência e crença interior que defende o irracional, o arrebatamento e temas ainda ditos como proibidos: o excitante, diabólico, sexual e perverso. Permita-se ainda viajar na idéia de pura conexão entre a temática e a técnica utilizada. O corte contundente na madeira reforçaria a idéia de gravar, impregnar com tinta e também multiplicar na memória